Queimaduras Solares

No verão, estamos suscetivos a queimaduras solares, principalmente em momentos de lazer onde nos expomos mais principalmente por questão de vaidade. A exposição prolongada ao sol, principalmente no litoral promove queimaduras de segundo e terceiro graus e podendo também induzir a um câncer. Outro problema é a insolação e sempre deve se procurar um profissional da saúde para acompanhar.

Vou deixar algumas informações úteis para o bom aproveitamento do sol.

Saibam que é extremamente importante e necessário banhar-se ao sol diariamente, em geral 15 minutos diários em sol ameno é bom. Isso porque nossas células estimulam-se ao sol sendo benéfica a exposição moderada. Como característica de queimadura por exposição solar, promove-se além do vermelhão ardido, algumas “cracas” pela pele, e até mesmo bolhas. Em casos mais drásticos deixar a pele em “carne viva”.
A insolação tem como característica dores de cabeça, febres, náuseas e vertigens e acontece por um “pane” no nosso mecanismo de resfriamento promovendo aumento de temperatura e desidratação mais severa também ocorrendo quando nos expomos de forma abusiva. Nos sempre acreditamos que a exposição solar onde pode-se obter danos mais sérios é enquanto estamos na praia e por tal nos cuidamos neste momento discriminando o cotidiano. Muitas pessoas sofrem sérias queimaduras expondo-se apenas em horários de pico durante o expediente de seus empregos. Por isso um protetor ou bloqueador solar, dependendo do tipo de pele é necessário carregar consigo para passar em áreas mais expostas do corpo como braços e rosto. Primeiramente o tipo de proteção que se usa depende muito do tipo de pele. Etnia, trato, genética entre outros fatores podem dar uma dica do uso de um bom produto com esta finalidade.

Algumas dicas generalista podem auxiliar na melhor escolha de produtos:

Protetor Solar: É uma forma mais amena para evitar que o sol lesione gravemente a pele; Bloqueador

Solar : É a forma mais potente para evitar que o sol agrida peles mais sensíveis, inclusive prevenindo de câncer de pele.

Após sol: É extremamente importante para hidratar a pele após se expor assim evitando alguns desconfortos provocados pelo sol ou auxiliando o tratamento de alguma lesão. Protetores faciais: O uso de protetores específicos para o rosto é importante, pois em geral são elaborados para evitar que irritem os olhos, nariz e lábios. Ás vezes também devido a maior exposição do rosto se faz necessário um fator mais forte que para o corpo.

Na hora de escolher os produtos para proteção solar:

Em geral pessoas com pele bem clara necessitam de uma proteção maior, por isso é ideal um fator alto. Minimo 30. Pessoas que tem a pele mais resistente devem optar por aqueles que tem um proteção moderada com fator 20, por exemplo. Pessoas com pele negra e descendentes devido a produção de Eumelanina tendem a serem menos suscetível a agressividade solar, podendo usar protetores com fator mais baixo, em torno de 15. Procure usar produtos específicos para crianças. Gestantes sempre usem qualquer produto mesmo que cosmético com acompanhamento do obstetra. Os protetores solares faciais geralmente se encontram conforme o tipo de pele. Gel creme normalmente é destinado para quem tem pele oleosa. E creme ou loção para pessoa que tem pele mais seca. O mesmo se aplica no pós sol. Temos produtos elaborados para pessoas com pele seca e oleosa. Lembrado que peles normais optem para os produtos de pele oleosa. Os produtos de pós sol de fitocosmética que tem uma boa ação em geral contém Aloe Vera ( Babosa) excelente para auxiliar, tratar e aliviar queimaduras solar. Produtos com Chá verde também possuem ação desejada. Também se apresentam na forma de gel para mais rápida absorção e ação pela superfície; Em caso de queimaduras graves procure um pronto socorro. Se você sofreu queimaduras mais amenas, além do Gel pós sol, pode se fazer uma infusão de calêndula ou camomila. Lembrando que deve – se esperar esfriar.

Evite:

Evite tomar sol diretamente das 10:00 ás 16:00 Sempre que tiver que ficar por longos períodos no sol sempre: Passe protetor ou bloqueador solar pelo corpo e rosto; Procure sempre caminhar pela sombra; Use um chapéu, boné lenço para proteger a cabeça e rosto; Depois se se expor se puder tomar uma ducha ajuda a amenizar os efeitos; Sempre passar pós sol após a exposição, e também combinar com uso de hidratantes; A alimentação leve com pouca fritura , e bastante vegetais é importante; Ingerir pelo menos 2 litros de água por dia. Em caso de insolação procure ajuda de um profissional da saúde. Mas um banho de água fria e soro fisiológico podem ajudar e evitar o pior.

Artigos Relacionados