Estrias

As estrias são de origem endócrina. Elas ocorrem por distensões ou ruptura do tecido cutâneo em virtude de força ou tensão constante das  do tecido de sustentação. Em geral a pele que costuma aparecer é mais frágil.

Características: As estrias são marcas na pele caracterizadas por vergões violáceos, depois esbranquiçadas e indeléveis.

Origem: As estrias são de origem endócrina. Elas ocorrem por distensões ou ruptura do tecido cutâneo em virtude de força ou tensão constante das fibras elásticas do tecido de sustentação. Em geral a pele que costuma aparecer é mais frágil.

Aparecem: Elas aparecem quando a pele tenta acostumar-se com a oscilação de peso.

Frequência: Ocorrendo comumente em mulheres gestantes. Fatores hereditários também contribuem para o seu aparecimento. É mais comum em mulheres do que homens, principalmente durante a fase de gestação. E também ocorrem mais em pessoas de pele clara e obesas.

Locais: Ocorrem preferencialmente em partes do corpo mais “carnuda” Nádegas, abdome, quadris, seios, parte superior das coxas.

Cura: Uma vez que elas se instalam fica difícil removê-las.

Tratamento: Para ajudar a amenizar podemos utilizar cremes que atuam atenuando e regenerando o tecido acometido. Sessões de Massoterapia também ajudam. Porém o melhor tratamento é se prevenir. Prevenção Manter a pele bem hidratada e elástica é fundamental para evitar o aparecimento de estrias. Usar buchas vegetais no corpo , durante o próprio banho. Manter a pele hidratada com loções de boa qualidade. Alimentação de boa qualidade, uma vez que a pele é um órgão e tal como devemos cuidar dos demais órgãos a fim de evitar acometimentos, também devemos fazer o mesmo com a pele. Prática de exercícios excelente não só para a pele como para todo o corpo. Alguns produtos para auxiliar e evitar estrias.

Artigos Relacionados