Cuidados com a pele

A pele é o um órgão tal como o coração e o fígado, sendo considerado o maior órgão do corpo humano.  É nosso cartão de visita, não só por questões estéticas, mas também por saúde, por exemplo, através da sensibilidade da pele temos as sensações de frio, calor, dor etc, o que acaba nos protegendo de muitos perigos e doenças.

Outro fator importante é a condição da saúde em geral como coloração, vitalidade, lesões que pode ser reflexo de alguma doença como doenças hepáticas, renais, alcoolismo, má alimentação dentro outras.

A pele durante tratamentos acaba sendo também o “depósito” toxicinas expelidas durante um tratamento, e por vezes o tratamento cosmético medicamentos como coadjuvante é importante. Mas nosso maior erro é descuidar da pele, achando que certos cuidados são meras frescuras. Na verdade tendo em vista que a pele é o nosso órgão menos protegido devemos ter o cuidado igual ao que temos com nossos órgãos vitais. Poluição, estresse, mudanças de estão, danos mecânicos, alimentação inadequada e também a idade são fatores para ser precaver.

Não precisando deixar de lado certas atividades ou criar a ilusão de que não quer envelhecer, mas sim cuidados para manter qualidade.Por isso o uso de cosméticos de qualidade como hidratantes, sabonetes, protetores solar, gel, pós sol.

Outro detalhe é que os diversos biotipos definem peles diferentes com necessidades diferentes. Peles oleosas, secas, mistas, normais. Com um organismo em boas condições podemos estas características se satisfazem com cuidados básicos, mas em más condições podem ser desconfortáveis tendo necessidade de um tratamento mais específicos e fortes. O tipo de elaboração cosmética também vai influenciar a qualidade e eficácia do tratamento.

Os tipos de peles são: oleosa, seca, mista e normal. Os acometimentos da pele são diversos e alguns já foram comentados e outros ainda terão seu espaço.

Artigos Relacionados